Febre amarela

O que é? - Febre amarela

A febre amarela é uma doença viral aguda transmitida por mosquitos (mais frequentemente da espécie Aedes aegypti) infetados pelo arbovírus do género Flavivirus.72

Qual o impacto? - Febre amarela

A febre amarela ocorre na África Subsariana e na América do Sul tropical, sendo a incidência maior na estação das chuvas e no início da estação seca (Julho a Outubro).73

Estima-se que, anualmente, no mundo, surjam cerca de 200.000 casos, responsáveis por cerca de 30.000 mortes.73

Como se transmite? - Febre amarela

A doença transmite-se através da picada de um mosquito infetado.72

Sintomas? - Febre amarela

É uma doença difícil de reconhecer e com sintomas comuns a outras doenças. Geralmente, no início, surge febre alta, calafrios, falta de apetite, cansaço, dores de cabeça, dores musculares, náuseas e vómitos (semelhante a uma gripe). Mais tarde, o fígado, o rim e o coração podem ser atingidos, originando icterícia (coloração amarelada da pele e dos olhos), falência dos órgãos e hemorragias.72

Complicações? - Febre amarela

Cerca de 15-25% dos doentes têm recaídas. Este período designa-se por "período de intoxicação". Os sintomas e complicações incluem: febre alta, vómitos, dor epigástrica, icterícia, falência renal e hemorragias.74

Como tratar? - Febre amarela

Não existe um tratamento específico para a febre amarela. No entanto, o tratamento de sintomas a nível hospitalar melhora a taxa de sobrevivência.72

Como prevenir? - Febre amarela

A forma mais eficaz de prevenir esta doença é através da vacinação cuja recomendação é feita pela Comissão de Vacinas da Sociedade Portuguesa de Pediatria e Sociedade de Infecciologia Pediátrica.59, 72

saude24