Doença Meningocócica Invasiva por serogrupo B

O que é? - Doença Meningocócica Invasiva por serogrupo B

A doença meningocócica invasiva por serogrupo B surge quando a bactéria meningococo se dissemina pelo organismo, causando infeções graves, como a meningite (infeção das membranas que envolvem o cérebro e a medula) e sépsis (infeção do sangue).2, 75

Em Portugal e na Europa, o meningococo do grupo B é o mais frequente.6

Qual o impacto? - Doença Meningocócica Invasiva por serogrupo B

É uma doença pouco comum mas muito grave e de evolução rápida, podendo ser fatal em 24h, mesmo com o tratamento apropriado.76

A maioria dos casos ocorre nos meses de inverno e na primavera e afeta sobretudo crianças com idade inferior a 5 anos e, em alguns países, também os adolescentes.77

Como se transmite? - Doença Meningocócica Invasiva por serogrupo B

A transmissão ocorre de pessoa para pessoa através de secreções respiratórias (pela tosse ou espirro) ou contacto direto com fluídos corporais da pessoa infetada.2, 75

Alguns adolescentes e adultos jovens podem transportar a bactéria no nariz ou na garganta sem terem a doença, mas ainda assim serem capazes de a transmitir a pessoas suscetíveis.2, 75

Sintomas? - Doença Meningocócica Invasiva por serogrupo B

Dependem da idade, mas de uma forma geral, inicialmente são pouco específicos como a irritabilidade, perda de apetite, febre, náuseas, vómitos ou dor de garganta.31

Mais tarde surgem sintomas como rigidez do pescoço, sensibilidade à luz e erupções cutâneas (tipo picada de alfinete ou nódoa negra).

Ao fim de 16h-24h podem surgir convulsões, confusão, inconsciência e falha de vários órgãos, podendo levar à morte. A evolução pode ser muito rápida, em apenas algumas horas.31

Complicações? - Doença Meningocócica Invasiva por serogrupo B

Na ausência de tratamento, a grande maioria das crianças com esta doença morre. Mesmo com tratamento adequado a mortalidade é de 10%.33

Entre as crianças que sobrevivem, 20% ficam com sequelas como perda de audição, cegueira, défices cognitivos, dificuldades na aprendizagem, paralisias, cicatrizes cutâneas extensas ou amputações de membros.33, 34

Como tratar? - Doença Meningocócica Invasiva por serogrupo B

O tratamento é constituído por antibióticos e outras terapêuticas adjuvantes. Muitas vezes é necessário o internamento numa unidade de cuidados intensivos.33

Como prevenir? - Doença Meningocócica Invasiva por serogrupo B

A forma mais eficaz de prevenir esta doença é através da vacinação. A vacina será incluída no Programa Nacional de Vacinação, de forma gratuita, a partir de Outubro de 2020, para todas as crianças nascidas a partir de dia 1 de Janeiro de 2019.59, 91

saude24